Passar para o conteúdo


MESMO LOCAL E HORÁRIO

Na Rua Reinoldo Rau – centrão de Jaraguá do Sul – 11.45 min da manhã e me dei ao trabalho de perguntar para o sujeito:

- Você tem certeza de que vai parar os veículos aí?

E ele me respondeu:

- Vamos descarregá um baguio e está com o pisca ligado!!

Então, tá!!

Postado em Blog.


MILHÕES

Pode ser pela quantidade de grãos de milho!

Também pode ser pelo tamanho dos grãos!

A ALL – América Latina Logística “despejou” algumas centenas – talvez milhares – de quilos de milho na via férrea que corta Jaraguá do Sul.

A “rataiada” agradece (os de 4 patinhas) a alimentação garantida até meados de 2015. Natal gordo garantido, alimentação ideal para a procriação e aumentar em mais algumas dezenas de milhares, a quantidade de ratos que já existem aos milhares.

Alguns assustam gatos! São gordos, opulentos, musculosos! Há quem jure que são mini-capivaras que andam pelos trilhos!

E ninguém vai fazer nada?

Postado em Blog.


CASA DA MÃE JOANA

Deve ser por causa do tamanho que ninguém notou. Não há outra explicação!!

Este “mini” caminhão da foto – às 17.25 min – “pousou” na ciclofaixa da Rua Reinoldo Rau para uma descarga.

Como podem perceber, o caso de Jaraguá do Sul é sui generis: não há regras, não nenhum tipo de proibição ou impeditivo.

Os motoristas estacionam conforme conveniência e vai da calçada à ciclofaixa. Salvo algum “abelhudo” que sai do trabalho e passa pela via, ninguém nota o diminuto veículo. Aliás, a cor discretíssima, também o deixa no modo invisível.

Quem quiser – e se quiser – que desvie!!

Postado em Blog.


JULGAMENTO MUDA PARA DILIGÊNCIA

O caso “urna de Içara” ganhou mais um capítulo no final da tarde de hoje: de julgamento passará para diligência.

A relatora do caso – Bárbara Lebarbenchon Moura Thomaselli – após determinar que técnicos do TRE/SC envidassem esforços para recuperar os dados da urna anulada, também abriu a possibilidade para que técnicos do Tribunal Superior Eleitoral venham à Florianópolis e tentem a “decriptografia” do equipamento.

Assim sendo, o que deveria ser um julgamento – com decisão do pleno hoje – passou para uma diligência e que deverá ocorrer no dia 5 de novembro – às 13 horas – no próprio TRE/SC.

Para ouvir a relatora e a decisão unânime, clique aqui: Decisão do TRE

Postado em Blog.


PONTO DE VISTA

Estamos saindo de mais um processo eleitoral e que foi vencido pelo terrorismo psicológico, por ameaças, por pressões e por uma campanha financiada por dinheiro roubado de empresas públicas – a Petrobrás, entre outras.

A razão perdeu para o assistencialismo e para a miséria na qual são mantidos milhões de brasileiros dependentes de todo tipo de bolsas.

Ronald Reagan – presidente norte-americano disse certa feita:

“Devemos medir o sucesso dos programas sociais pelo número de pessoas que deixam de recebê-los e não pelo número de pessoas que lhes são adicionadas”.

A eleição foi decidida por brasileiros covardes – se é que podem ser chamados de brasileiros:

Quase 30 milhões de abstenções

Mais de 1.900.000 votos em branco

Quase 5.200.000 votos nulos

Mais de 37 milhões de brasileiros não leram as notícias de corrupção Brasil afora, não ouviram – e se ouviram, fingiram não saber ou que não lhes dizia respeito.

O brasileiro não sabe o que é inflação, não sabe sobre aumentos nos preços dos combustíveis, da energia elétrica.

Os 10 bilhões roubados da Petrobrás – que sairá do lombo de cada brasileiro – não fará falta.

Os brasileiros avalizaram para que continue a corrupção, os desvios, as mutretas, as maracutaias e em todos os níveis, em todos os cantos.

Quando o sujeito estiver morrendo nas filas dos hospitais, deve ir para Brasília.

Quando o arroz e feijão ficarem mais caros, vá pra Brasília.

Quando faltar vagas nas creches para os filhos, Brasília é o caminho.

O filósofo francês José Marie Maistre já disse há muito tempo: cada povo tem o governo que merece.

Vou acrescentar: cada povo tem o governo que escolhe ter! O político não é diferente do povo que é governado!

Postado em Blog.


DIA D

Hoje será o “Dia D” para o Deputado Vicente Caropreso.

O Tribunal Regional Eleitoral vai exarar parecer sobre a tal urna eletrônica de Içara – que foi anulado pelo Juiz Eleitoral – e que está em grau de recurso. O candidato Dóia Guglielme (PSDB) – portanto, a mesma coligação  peticionou ao TRE para que tente recuperar os votos – já que precisa de 38 sufrágios para superar Caropreso.

Na contagem final, o resultado ficou assim:

Vicente Caropreso – 41.089 votos

Dóia Guglielme – 41.052 votos

São três chances possíveis:

1 – Os técnicos conseguiram recuperar os dados e há mais de 37 votos para o proponente da ação.

2 – Os técnicos conseguiram recuperar os dados e os votos não são suficientes para ultrapassar a votação do jaraguaense Vicente Caropreso.

3 – Os técnicos não conseguiram recuperar os votos e fica tudo como está.

Serão horas tensas até a decisão.

Postado em Blog.


RESTOS DE CAMPANHA

Ainda há um pequeno prazo para prestação de contas das despesas com a campanha eleitoral.

Se não me falha a memória – que falha – o prazo será 4 de novembro para candidatos eleitos ou não em primeiro turno.

Nos casos dos eleitos, a ausência da prestação de contas pode ser impeditivo para a diplomação

Quem não foi eleito e não fizer a prestação de contas dentro do prazo – ainda com a benevolência da Lei Eleitoral – será notificado e terá prazo de 72 horas.

Neste momento – porque notícia ruim se dá na sexta-feira – um candidato ao cargo de Deputado Estadual em Jaraguá do Sul está enrolado. Um cheque pato – aquele que vai no banco e nada – está solto na praça. Ultrapassa os R$5.300,00 e recebeu um “carimbaço” de “sem fundos”.

O sujeito não nega a dívida, mas apresenta mil desculpas para o calote! Acusa um assessor de ter amealhado para o próprio bolso – indevidamente, diga de passagem – R$ 20.000,00 dos parcos recursos eleitorais.

A “conta-campanha” não vai fechar e há grandes possibilidades que surjam outros débitos.

Pior: o sujeito carregava tanta de certeza de que seria eleito – os tais ovos na galinha – que andou convidando pessoas para um quadro respeitável de assessores.

Houve crentes nas promessas e já estavam alugando apartamento em Floripa!

Postado em Blog.


É PRECISO REVER

Impossível  acreditar que as pessoas de bom senso não vejam isso!

Se para o pedestre comum – entre os quais me incluo – já fica difícil, imaginem uma mãe com carrinho de bebê, uma pessoa com mobilidade reduzida?

Há duas semanas fotografei um carro que “estacionou” em cima da calçada e em paralelo com a rua. Ontem, às 13.30 min, a situação não estava muito diferente. Os dois casos foram registrados na Rua João Marcatto e em pleno centro de Jaraguá do Sul.

É uma afronta aos direitos das pessoas e o infrator age como se fosse a atitude mais natural do mundo.

Educação de “mierda”

Postado em Blog.


NÃO SEI

No meu trajeto para o almoço – curtinho, por sinal – cidadão me chama, se identifica e faz a seguinte pergunta:

- Você sabe o que o pessoal da Fundação Municipal de Esportes de Jaraguá do Sul faz? Sem contar lutas do UFC, Seleção Brasileira, o que eles fazem por lá?

Não soube responder! Não há informação!

É uma caixa de Pandora, aliás, é uma prefeiturinha à parte, localizada estrategicamente longe do Paço – na Arena Jaraguá. Eles possuem vida própria e não fazem questão de “explicar onde está indo o nosso rico dinheirinho”, se há resultados e quais são!

Estive duas vezes na FME:

1 – Para atender aos reclamos de um pai com filha atleta, lesionada e sem atendimento. Fui atendido e a menina, também!

2 – Para reclamar o “esquecimento” do credenciamento da Studio FM na vinda da Seleção Brasileira de Vôlei. Também fui atendido!

Na segunda vez – para evitar outros contratempos – solicitei que cadastrassem o e-mail redacao@studiofm.com.br para o envio de informações. Aí não fui atendido!

Talvez – muito talvez – tenha sido por causa da minha chatice!!

Lá se vão 22 meses de FME e poucos – senão raros – sabem o que foi feito, se foi feito e como foi feito.

A FME é território do PCdoB – todos comunistas – quase um sultanato com cortina de ferro.

Está passando da hora de abrirmos os livros, aplicar o termo transparência.

Vou cobrar, apostem!!

Postado em Blog.


JÁ FALEI…

… mas pelo visto, a necessidade de repetir é premente!

Prestem atenção:

- A única pessoa que pode chamar o sujeito de FDP, ladrão, safado, vendilhão, semelhantes e correlatos, sou eu – porque afirmo e provo!!

Explico:

Se na condição de moderador (o todo-poderoso) – deixar passar uma ofensa em algum comentário, vou responder judicialmente. A infringência legal pega quem comete a ofensa e quem permite que a ofensa seja veiculada.

Para responder por alguma coisa, faço sem precisar de ninguém.

Se o “nobre leitor” – que se acha incólume atrás de um computador e ainda não descobriu a facilidade em localizá-lo – quiser ofender alguém, a receita é facílima: CRIE UM BLOG, UM SITE, UMA FANPAGE.

Não será me fazendo de escada que alguém vai ofender quem quer que seja!

Covardia não existe no meu dicionário.

Postado em Blog.