Passar para o conteúdo


NÃO SEI

No meu trajeto para o almoço – curtinho, por sinal – cidadão me chama, se identifica e faz a seguinte pergunta:

- Você sabe o que o pessoal da Fundação Municipal de Esportes de Jaraguá do Sul faz? Sem contar lutas do UFC, Seleção Brasileira, o que eles fazem por lá?

Não soube responder! Não há informação!

É uma caixa de Pandora, aliás, é uma prefeiturinha à parte, localizada estrategicamente longe do Paço – na Arena Jaraguá. Eles possuem vida própria e não fazem questão de “explicar onde está indo o nosso rico dinheirinho”, se há resultados e quais são!

Estive duas vezes na FME:

1 – Para atender aos reclamos de um pai com filha atleta, lesionada e sem atendimento. Fui atendido e a menina, também!

2 – Para reclamar o “esquecimento” do credenciamento da Studio FM na vinda da Seleção Brasileira de Vôlei. Também fui atendido!

Na segunda vez – para evitar outros contratempos – solicitei que cadastrassem o e-mail redacao@studiofm.com.br para o envio de informações. Aí não fui atendido!

Talvez – muito talvez – tenha sido por causa da minha chatice!!

Lá se vão 22 meses de FME e poucos – senão raros – sabem o que foi feito, se foi feito e como foi feito.

A FME é território do PCdoB – todos comunistas – quase um sultanato com cortina de ferro.

Está passando da hora de abrirmos os livros, aplicar o termo transparência.

Vou cobrar, apostem!!

Postado em Blog.


JÁ FALEI…

… mas pelo visto, a necessidade de repetir é premente!

Prestem atenção:

- A única pessoa que pode chamar o sujeito de FDP, ladrão, safado, vendilhão, semelhantes e correlatos, sou eu – porque afirmo e provo!!

Explico:

Se na condição de moderador (o todo-poderoso) – deixar passar uma ofensa em algum comentário, vou responder judicialmente. A infringência legal pega quem comete a ofensa e quem permite que a ofensa seja veiculada.

Para responder por alguma coisa, faço sem precisar de ninguém.

Se o “nobre leitor” – que se acha incólume atrás de um computador e ainda não descobriu a facilidade em localizá-lo – quiser ofender alguém, a receita é facílima: CRIE UM BLOG, UM SITE, UMA FANPAGE.

Não será me fazendo de escada que alguém vai ofender quem quer que seja!

Covardia não existe no meu dicionário.

Postado em Blog.


PÉ NO TRASEIRO

O segundo turno das eleições presidenciais está adiando tomadas de decisões no Paço em Jaraguá do Sul.

Estão acontecendo reuniões aqui e acolá – tudo na surdina e “quase” em segredo. Apoiadores da campanha do prefeito Dieter Janssen (PP) – entre 4 ou 5 – acham que é preciso dar uma sacudida e fazer uma limpeza em alguns cargos comissionados.

São duas categorias:

1 – O comissionado que só busca o salário no final do mês e não faz absolutamente nada.

2 – O comissionado que faz de tudo para atrapalhar a administração, trabalha contra e trama nos bastidores

Há também pequenos feudos:

a) O PCdoB possui uma prefeiturinha lá na Arena Jaraguá e ninguém sabe o que acontece

b) O Instituto Jourdan até o presente momento não disse a que veio. São projetos demais para ações de menos.

Também são registradas reclamações de inoperância na pasta da Agricultura.

Por outro lado, o staff desconhece ações políticas. Há tempos venho dizendo: dividendos políticos são plantados e colhidos por quem conhece do assunto. No Paço, o caso é inverso: há quem perca por atitudes desastrosas!!

Alguns setores sofrem da endemia da má vontade: não fazem, enrolam, não dão atenção e até destratam aos contribuintes. Caçam dificuldades inexistentes, inventam impossibilidades.

Com isso, a administração vai se firmando cada vez mais como: indecisa, sem pulso, sem comando, sem análises.

Querem um exemplo?

Os criadores de todos os empecilhos da famigerada “mureta” e que acabou resultando numa audiência pública – onde o prefeito foi espinafrado, diga-se de passagem – nem deu as caras no dia das cobranças!! Os burocratas se escafederam no melhor estilo “rato em navio fazendo água”. Ou seja, a orientação e os encaminhamentos políticos não existem.

Venho alertando e estão fazendo ouvidos moucos!

Depois, o ruim da história sou eu!!

Postado em Adm. Pública.


DESINTERESSE

A batalha jurídica entre o Deputado Dóia Guglielme e o Deputado eleito Vicente Caropreso, ambos do PSDB – continua.

O primeiro está tentando a validação dos votos de uma urna de Içara – sua terra. O equipamento apresentou problemas e foi anulado pelo juiz eleitoral. O detalhe da questão não é isso – afinal de contas, ao enforcado o direito de espernear – mas a condução do processo.

A iniciativa foi da coligação Muda Brasil, Muda Santa Catarina, ou seja, é o PSDB brigando com o PSDB. Não vou entrar no mérito dos direitos e nem do direito – sequência jurídica e etc, mas na questão política.

Não vi até o presente momento, o envolvimento do Presidente Estadual do PSDB, senador Paulo Bauer – que está agindo no estilo Pôncio Pilatos. É de se supor que a pendenga não interessa ao partido. Menos ainda- muito menos – aos tucanos de Jaraguá do Sul. Aliás, a informação de que muitos tucanos de cá trabalharam contra Vicente Caropreso – não é novidade! Ou é?

Até recentemente, o PSDB fazia parte do governo Colombo, inclusive com a presença de tucanos locais. No entanto, a mobilização para garantirmos a nossa representatividade – salvo melhor juízo – não existe.

Vão compor futuramente? Estão conversando? Não é o caminho?

Conversei (na sexta-feira) com o Presidente de Honra do PSDB, Dalírio Beber. Questionei sobre a postura da sigla, o desinteresse  em dar fim na disputa jurídica, o abandono do partido para o Vicente Caropreso. Ele preferiu sair pela tangente: que a decisão foi da maioria do partido, que tudo pode dar em nada, que não decide sozinho…

A semana que vem será decisiva!

- Ah! Antes que alguém pergunte: tenho a gravação da minha conversa com o Dalírio Beber!!

Postado em Blog.


PARECE PIADA

Me dei ao trabalho de fazer uma pesquisa inédita: descobrir quantas e quais datas comemorativas foram criadas pelos vereadores de Jaraguá do Sul nas últimas 3 legislaturas!

São 12 anos de um brilhantismo de fazer inveja! Fiz mais: entrevistei cada edil e até os ex-vereadores para buscar explicações!

Claro que ficou engraçado! A encarregada de convencer aos “nobres parlamentares” para que concedessem as entrevistas – com alguns ressabiados – foi a minha colega Suzana Andrade.

Como diz a frase: seria trágico se não fosse cômico!!

O material começará a ser apresentado – numa espécie de mini-série – já na próxima segunda-feira no Studio Atualidades. Os interessados podem acompanhar via rádio ou na internet : www.studiofm.com.br

Se dei gargalhadas editando e fazendo a redação, imagino que os ouvintes terão a mesma reação.

São efemérides inéditas e confissões hilárias.

Postado em Blog.


ADIADA OUTRA VEZ

A duplicação da BR 280 virou uma piada de péssimo gosto!

Aliás, é a mais clara manifestação de desrespeito do Governo Federal para com a região!

Não quero acreditar que tenha sido por conta do revés eleitoral da candidata Dilma Rousseff (PT) nas terras catarinenses, mas que permite conjecturas não há dúvidas.

Só agora descobriram as “ligações perigosas” da empresa vencedora da licitação? Mentira!

Toda conferência da documentação exigida faz parte do processo licitatório e só foram descobrir os “laços” com Carlinhos Cachoeira – aquela da Delta – um mês depois?

É um acinte! Prova cabal de que “há interesses eleitorais” e isso acontece em cada eleição para o Governo Federal. A pecha de “rodovia da morte” deixou a BR 101 e se instalou na BR 280.

Na tarde de hoje, a vida de mais uma pessoa foi ceifada. Causa: atropelado!!

O que fazer? O fechamento da rodovia como protesto – o que não deixa de ser alternativa – penalizará quem trafega no local.

Cobrar dos deputados federais que levaram votos (e muitos) daqui?

Que tal uma resposta acachapante no segundo turno das eleições?

Postado em Adm. Pública.


CALAFRIOS SEGUIDOS DE TREMORES

A humilhante audiência pública sobre muretas – realizada na Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul na última segunda-feira – está causando calafrios e muitos tremores no Paço.

Não que o “mar de comissionados” do primeiríssimo escalão esteja preocupado com o “lombo do prefeito” Dieter Janssen (PP) – lanhado da coça política que levou durante e está levando pós – evento!!

A insônia é advinda da real possibilidade de perderem a teta gorda e farta. O caso repercutiu de modo profundamente negativo e quem ouviu os áudios – precisou ouvir mais de uma vez – se imaginou traído pelo sentido auditivo.

O prefeito foi duramente criticado, chamado às falas, às responsabilidades e isso aconteceu publicamente num plenário lotado.

Representando a Associação Comercial e Industrial de Jaraguá do Sul, o Presidente Paulo Mattos não economizou e “sentou a pua”.

Ouçam: 11 – Paulo Mattos – audiência pública

Enquanto isso, o staff preferiu se manter bem longe, o que permite uma conjectura muito pertinente: a possibilidade de que estivessem sorvendo algum nectar da linhagem de Baco e praticando “política de boteco”, algo que andam muito familiarizados!!

Acuado, o prefeito não vislumbrou outra alternativa: argumentar que não foi o autor da Lei que estabelece as muretas, assumir o compromisso de alterar o projeto e remetê-lo ao crivo da edilidade.

Os Progressistas e os Peemedebistas – maiores siglas no Poder – deverão reagir. A ação não deve tardar e deverá ser sucedida da elaboração de uma “lista de inservíveis”, portanto, demissionáveis e sem fazer falta alguma.

- Aí residem os calafrios e tremores! Onde arranjar um emprego na iniciativa privada, onde se faça tão nada e sobraçando estipêndios tão generosos?

O caso mureta está “bombando” nas ruas há quase três meses e “nenhum iluminado do alto escalão” – impertigados e deslumbrados com a importância dos cargos – foi capaz de alertar (politicamente) ao prefeito sobre os desgastes, a fria que estava entrando e a rota de colisão com o segmento reclamante.

Aliás, a grande maioria do primeiríssimo escalão cabulou a aula de política administrativa.

Aguardem os desdobramentos para os próximos dias!!

Eles virão e como virão!!

Postado em Adm. Pública.


FIASCO

Um desastre, politicamente falando!

É o mínimo que se pode falar  sobre a situação que o alto escalão da prefeitura de Jaraguá do Sul submeteu o chefe do Executivo na audiência pública sobre muretas – ocorrida na última segunda-feira nas dependências da Câmara de Vereadores.

O ato convocado pelo vereador José Osório de Ávila (Solidariedade) – Zé da Farmácia – salvo por uma interpretação inocente – não deixou dúvidas da ação equivocada do Paço ao permitir que a situação atingisse tal ponto. Não há traquejo e também não há interesse em conseguir avaliações positivas para a administração.

A primeira “taquarada” foi desferida pelo próprio vereador Zé da Farmácia (sim, o Zé) – que chamou a atenção do prefeito para quem gera impostos no município. Clique para ouvir: 08 – Zé

O servidor Carlos Engel – que já havia protagonizado uma reunião tensa na sala em “U” da Câmara – foi piorando a situação a cada termo usado. Ouçam: 12 – Engel

O caso muretas com reclamações da fiscalização (do odus) está ocorrendo há tempos e o comerciante João Mário Rodrigues deu o tom do clima que estava na audiência: 13 – Jomar

E a coisa degringolou de vez na intervenção do comerciante Henrique Morais: 14 – Henrique

A administração não precisava passar por tal vexame e isso se corrige com a demissão de meia dúzia de comissionados.

Está mais do que provado que não servem para a tarefa e só executam bem, a ida no banco no final do mês para buscar o gordo salário.

Postado em Adm. Pública.


ÁUDIOS

Passei a tarde editando áudios da audiência pública realizada em Jaraguá do Sul sobre as tais muretas.

Horas de manifestações  e vou apresentá-las amanhã no Studio Atualidades – das 07.20 min às 08.00 horas. Quem quiser acompanhar via internet, o endereço é www.studiofm.com.br

Detalhe: o site da Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul está fora do ar (estão mudando de provedor), a transmissão via cabo é pífia, portanto, o material é EXCLUSIVO.

Foi um fiasco! Verdadeiro festival de cobranças e um prefeito acuado. O staff – chamado de alto escalão – o abandonou.

Houve pronunciamento duríssimos e situações críticas. Nenhuma assistência jurídica ou política para o prefeito.

Já disse algumas vezes e vou repetir:

- Prefeito! Abra o olho e mande meia dúzia pra rua!!

Amanhã – após o Studio Atualidades – vou disponibilizar alguns áudios aqui e verão que tenho razão!

Postado em Blog.


AOS LEÕES

Há tempos venho dizendo que o prefeito de Jaraguá do Sul Dieter Janssen (PP) – e já demorou – precisa mandar meia dúzia de comissionados para casa.

Além da total de serviços que justifique os “altos proventos”, os mamadores jogam contra. É o que chamamos de “inimigos na trincheira”.

Quem foi na audiência pública realizada na Câmara de Vereadores na noite de ontem – e que tratou de muretas e calçadas – viu isso! O prefeito foi atirado aos leões. Do seu alto escalão – mais ausente do que nunca – apenas o Secretário de Urbanismo Ronis Bosse. Os demais lembram aquela analogia dos “ratos quando o navio começa a fazer água”.

O prefeito não viu ou não quer enxergar a realidade nua e crua: enquanto ele tenta articular de um lado, os vizinhos articulam de outro e contra!!

Vou publicar trechos do áudio do evento na Casa de Leis, mas preciso de tempo para fazer a edição (não uso o Sound Forge no meu notebook). Vocês vão ouvir e me darão razão!

Não é de hoje que falo da necessidade de uma limpeza nos quadros.

Postado em Blog.