3

EM CAMPOS NOVOS: PRIMEIRO OS MEUS…

…Depois os do Mateus!!

A população de Campos Novos, município com pouco mais de 30 mil habitantes no meio-oeste catarinense, está em polvorosa e indignada com os políticos locais. Tudo por conta no aumento nos próprios salários.Como de costume e rapidíssimo, o Projeto de Lei foi aprovado no dia 20 de dezembro/2011 e sancionado no dia seguinte pelo prefeito Vilibaldo Erich Schmid-PMDB. Quase cinco vezes a inflação do período, foi o mínimo do aumento autoconcedido. Há o caso do Legislativo – escandalosamente amazônico. Vejam os percentuais:

28% de aumento para prefeito

28% de aumento para o Vice-prefeito

64% para o presidente da Câmara

60% de aumento para os vereadores

38% aos secretários municipais

Para o delírio do povo camponovense, com direito a foguetório e tudo, os salários ficarão assim:

** O Presidente recebe um aditivo pelo cargo.

A população faz o seguinte questionamento:

– Qual dos beneficiados conseguiria salário idêntico na iniciativa privada??

Detalhe importante: desde o dia 20 de setembro/2011 foram suspensas as transmissões  das sessões do Legislativo  de Campos Novos. Teria alguma coisa a ver?

Sergio Peron

3 Comentários

  1. ISSO QUE CHAMO DE AUMENTO, NÃO ESTAS MIGALHAS QUE PAGAM EM JARAGUA DO SUL. CAMPOS NOVOS TEM QUE DAR O EXEMPLO. PARABENS PELA INICIATIVA E APROVAÇÃO.

  2. Diz o texto lá de Campos Novos: ” O Presidente recebe um aditivo pelo cargo.”
    Ao contrário de alguns lugares, onde quem manda recebe um aditivo pela carga.

  3. Sei que não vai responder, mas esse conde d´eu ou quer ser polêmico ou sarcástico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *