6

DEU A LÓGICA: REJEITADO!!

Rincos

Rincos – disse que o projeto possuía brechas

Um atentado à Constituição Federal!

É o mínimo que se pode dizer do Projeto de Lei apresentado na Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul e que pretendia alterar a LOM – Lei Orgânica do Município – vetando a participação de vereador eleito em cargo comissionado no Executivo.

Desaprenderam sobre “SIMETRIA” – se é que os edis sabem sobre o termo.

Muito provavelmente, o chamado “DIREITO PERSONALÍSSIMO” deve ser algo de outro planeta.

Na votação de hoje, a defesa do PL ficou por conta do autor, vereador Arlindo Rincos (PSD). Desmotivado, inconvincente, argumentos frágeis e o próprio defensor afirmou que o Projeto de Lei possuía brechas para questionamentos judiciais.

JefersonJá o vereador Jeferson de Oliveira – também do PSD – revelou sua preocupação em aparte: que o salário de um secretário é muito maior do que um vereador.

Que outra preocupação poderia esperar do “pobre parlamentar” que já deu mostrar cabais de “muito interesse no vil metal”?

Basta lembrar as acusações de empresários de jogadores e que afirmaram com todas as letras: o vereador cobrava pedágio para aceitar jogadores enquanto presidiu o Juventus de Jaraguá do Sul.

O vereador que também é conhecido pela alcunha de JJ Bordados – usou a identificação como candidato – chegou a dizer que “renunciaria ao cargo de vereador se fosse nomeado secretário”.

Se a afirmação “possuir a mesma coragem com que ele foi no meu programa esclarecer as acusações de falcatruas no Juventus, fica óbvio que é mentira!

Demagogia pouca, é bobagem!

Por 6 votos contrários, outros 4 favoráveis e uma abstenção, o projeto foi rejeitado.

Sergio Peron

6 Comentários

  1. Nao dava para se esperar outro resultado,esta camara que tem um condenado pela justiça como presidente,e mais 6 ineptos só podia olhar para os interesses pessoal e favorecer os amigos suplentes

  2. calma , calma …. esse memsmo projeto pode voltar a berlinda na gestão do ano que vem , e por que nao, pode sim passar …. Já sabemos que essa camara de vereadores da gestão que se finda é feita de gente podre…. Deixa os podres sairem e resolvemos as pendências …. O projeto volta ano que vem e tudo se acerta …

  3. Eu também entendo que o PL deve voltar na próxima legislatura.
    Porém, deveria ser logo no início e não novamente do apagar das luzes.
    E a população deve se inteirar do assunto.
    Debater com o “seu” vereador, assim como o empresariado apregoa.
    Saber de suas pretensões, caro eleito ou reeleito.
    Vamos aguardar.
    Novos eleitos, novos tempos.
    Que assim seja.

  4. Já tivemos em tempos passados, representantes dignos. A atual legislatura é a MAIS FRACA, PODRE, VERGONHOSA E ……….. Afinal temos gente condenada nos tribunais, gente denunciada com provas de falcatruas, gente que só recebe no final do mês, e por ai vai. Onde Jaraguá do Sul, conseguiu chegar?
    Tinha um da legislatura passada, que se gabava de ter comparecido 100% (e só) foi o que conseguir de bom nos 4 anos….claro não se reelegeu (hum…afinal era do PT).

  5. Peron o que é feito da lei que todo assessor de vereador tenha no minimo o ensino médio. ?? E a escolaridade do vereador pode ser qualquer uma ????

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *